Ir direto para menu de acessibilidade.


Página inicial > Notícias > Biblioteca Pública Arthur Vianna compra mil novos livros e convida usuários no mês de Julho
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Biblioteca Pública Arthur Vianna compra mil novos livros e convida usuários no mês de Julho

  • Publicado: Quinta, 05 de Julho de 2018, 14h08
  • Última atualização em Quinta, 05 de Julho de 2018, 14h08
  • Acessos: 638
imagem sem descrição.

“A menina que roubava livros”, de Markus Zusar; “A culpa é das estrelas”, de John Green,  “Budapeste”, de Chico Buarque, “Cem anos de solidão” de Gabriel Garcia Marquez e toda a saga do mago Harry Potter. Esses são apenas alguns dos quase mil títulos que foram adquiridos recentemente pela coordenação da Biblioteca Pública Arthur Vianna para fazer frente à política de renovação anual dos títulos da maior Biblioteca do norte do Brasil.

Semias Araújo, técnico em gestão cultural da FCP, explica que o primeiro ponto foi o levantamento da necessidade do usuário, para se fazer a relação dos livros a serem comprados. “Esse levantamento a gente faz por pesquisa na biblioteca, lá tem sempre uma caixinha de sugestão. E também tem o feedback, geralmente o usuário pergunta pela obra, se não tem na biblioteca a gente vai fazendo uma relação pra futuramente ver a possibilidade da compra”, conta o técnico.

Além dos livros citados acima, a BPAV também renovou seu acervo nas áreas da autoajuda, direito, concursos e material para o ENEM, entre outros. Títulos como “O mestre da vida” e “Nunca desista de seus sonhos”, ambos de Augusto Cury; e “Quem me roubou de mim” do Padre Fábio de Melo já estão disponíveis para empréstimo.

“O que focamos agora foi em adquirir literatura mais atualizada, como por exemplo os romances novos que foram transformados em filme, mais voltado para literatura infanto juvenil. Grandes coleções como a saga Harry Potter, as Crônicas do Gelo e Fogo - que deu origem à série Game of Thrones -, Diários do Vampiro - base da série The Vampire Diaries -, e Percy Jackson foram adquiridas e catalogadas. Agora estamos esperando os usuários para usufruir”, declara Araújo.

registrado em:
Fim do conteúdo da página