Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade



Início do conteúdo da página
Últimas notícias

FCP reabre bibliotecas na Região do Marajó e Região do Capim

  • Publicado: Quinta, 12 de Abril de 2018, 12h44
  • Última atualização em Sexta, 13 de Abril de 2018, 15h53
  • Acessos: 286
imagem sem descrição.

Nos dias 13 e 27 deste mês, a Fundação Cultural do Pará (FCP), por meio da Diretoria de Leitura e Informação, reabre duas bibliotecas públicas no interior do Estado. Tratam-se da Biblioteca Municipal Gessy Beltrão, em Santa Cruz do Arari, e da Biblioteca Municipal Frederico Gomes Dias, em Dom Eliseu.

A Secretária Executiva do Sistema Estadual de Biblioteca do Pará, Marinilde Barbosa explica que no ano passado, no período entre junho e setembro, em parceria com o Instituto de Políticas Relacionais-SP, foi feita uma pesquisa em 144 municípios para identificar a real situação das bibliotecas do Estado. No total, foram encontradas 32 bibliotecas fechadas e assim traçado um plano para mudar esse dado.

Marinilde Barbosa relembra que as visitas nos municípios começaram no mês de janeiro deste ano e o processo de reabertura já atingiu as Regiões do Capim, Guamá e Marajó. “Vamos aos municípios conversar com os gestores municipais. No mês de março, já reabrimos bibliotecas nos municípios de Cachoeira do Piriá, São Caetano de Odivelas e Bagre”, pontua.

Durante o processo de capacitação dos funcionários das bibliotecas feito por técnicos da FCP, Marinilde Barbosa conta que são ministradas oficinas de Organização de Acervo, Técnicas de Atendimento ao Público e Automação de Acervo, e também a implantação do Programa Bibilivre, tecnologia que enfatiza as rotinas sub-rotinas dos principais procedimentos realizados em bibliotecas.

A secretária ressalta que essa ação é uma das missões da FCP de fomentar a leitura e bens culturais. “A biblioteca pública é um bem cultural. Então, sensibilizamos o gestor para mostrar como ela é importante e pode transformar a vida daquelas da comunidade, melhorando o Índice de Desenvolvimento Humano”, finaliza.

registrado em:
Fim do conteúdo da página