Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade



Página inicial > Fundação Cultural do Estado do Pará
Início do conteúdo da página

 
Fundação Cultural do Pará
Fundação Cultural do Estado do Pará

Quinta, 13 de julho de 2017

Agenda alterada

GALERIA THEODORO BRAGA APRESENTA: EXPOSIÇÃO NÓS DE ARUANDA, ARTISTAS DE TERREIRO

nosdearuandachamadasite

      Nós de Aruanda - Artistas de Terreiro

A proposta que o grupo apresentou aos artistas foi de reunir todos eles/nós em um esforço coletivo de realização de uma exposição em homenagem à Mãe Doca - uma celebração à memória da luta de Dona Rosa Viveiros, ou Nochê Navanakoly, ou Mãe Doca, negra mulher e maranhense de Codó, que apenas três anos após a abolição da escravatura enfrentou o racismo, preconceitos da época e inaugurou seu Terreiro de Tambor de Mina na capital paraense. A partir dos 18 de março de 1891 ela foi presa várias vezes porque tocava tambores e cultuava as divindades africanas com as quais preservava as tradições de matriz afro-amazônica, e nem por isso desistiu de manter aberto o terreiro que dava lugar à manutenção das tradições de sua origem negra africana. A consciência negra foi o que motivou Mãe Doca a enfrentar os desmandos da polícia e o poder constituído em alicerces racistas e discriminatórios. Nessa mesma perspectiva, mobilizamos também os pesquisadores da UFPA, principalmente os da área de ciências humanas e sociais, para conhecer e escrever sobre a poética dos artistas de terreiros.

Com isso tudo nós abrimos espaço para iniciar a inserção do protagonismo de artistas afro-brasileiros, e da cosmologia das comunidades de terreiros, na história da arte brasileira. Superando todas as expectativas, os artistas foram muito mais além dos objetivos iniciais e passaram a ocupar espaços das artes visuais em outros projetos que se multiplicaram a partir de 2013, com os desdobramentos da Nós de Aruanda em 04 exposições: 2013 – Galeria Theodoro Braga; 2014 – Galeria Theodoro Braga; 2015 – Galeria Canto do Patrimônio, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional –PHAN; 2016 – Galeria Theodoro Braga (Edital de pauta da GTB/ FCP), apresentando a diversidade dessa produção "periférica" como um discurso afirmativo do protagonismo afro-amazônico na produção de poéticas visuais. Aruanda, enfim é um lugar para voltar, para os africanos escravizados e seus descendentes voltarem. Aruanda é um lugar para eles, seres do espaço astral, senhores do axé habitarem, Aruanda, somos todos nós, por isso somos Nós de Aruanda!

Marilu Marcia Campelo

 

Exposição Contemplada no Edital Pauta Livre 2017, que ficará aberta ao público do dia 22 de junho a 14 de julho, de segunda a sexta, das 9h às 18h.

 

Local: GALERIA THEODORO BRAGA Av. Gentil Bittencourt, 650 - Subsolo do Centur.
  • Início: 09h00
  • Fim: 18h00

CINE LÍBERO LUXARDO E BONFILM APRESENTAM "LA TRAVIATA", DE GUISEPPE VERDI (1813-1901), COM DIREÇÃO DE ROLANDO VILLAZON, NO ÓPERA NA TELA

 

LA TRAVIATA

 

 

Título original: LA TRAVIATA | Direção: Rolando Villazon| Compositor: Guiseppe Verdi (1813-1901) | Gênero: Musical / Ópera em 3 atos | Ano: 2015 | Maestro: Pablo Heras-Casado 
| País: Alemanha | Elenco: Olga Peretyatko, Atalla Ayan, Simone Piazzola | Orquestra: Orquestra e Coro Balthasar Neumann Ensemble | Duração: 150 min. | Classificação etária: 14 anos | Legendado

 

 

 

 

Sinopse: Violetta é a mais famosa e sofisticada cortesã de Paris e apaixona-se por Alfredo, que já a amava. Temendo a reação do pai do rapaz – e da sociedade parisiense - mudam-se para o campo. Procurada por Giorgio Germont, pai de Alfredo, ela se afasta de seu amado e parte. Alfredo se sente traído e tem raiva. O pai, arrependido, revela a verdade, mas quando Alfredo retorna Violetta está gravemente doente e morre em seus braços.

 

 

13/07 (quinta-feira) | 19h

 

Inteira: R$ 12,00 | Meia: R$ 6,00

 

 

Parceria: Bonfilm

CINE LÍBERO LUXARDO

Fundação Cultural do Estado do Pará | Av. Gentil Bittencourt, 650, Nazaré, Belém, Pará | (91) 32024321 | cinelibero@gmail.com

artes visuais

Local: Cine Líbero Luxardo
  • Início: 19h00
  • Fim: 22h00

Agenda

Busca de agenda

Faça buscas de agenda por palavras-chave

Fim do conteúdo da página